Zinho analisa momento de oscilação do Vasco

ESP-0403Visando a partida contra o Brasil de Pelotas, o elenco vascaíno se reapresentou na manhã desta segunda-feira (04) no Estádio de São Januário. Enquanto os jogadores que iniciaram o jogo contra o Avaí fizeram um trabalho regenerativo no CAPRRES, os demais atletas, incluindo o zagueiro Luan, subiram ao gramado e participaram de uma série de atividades físicas e técnicas promovidas pela comissão técnica.

Ao término dos trabalhos, o auxiliar técnico Zinho concedeu entrevista coletiva na sala de imprensa do clube. O tetracampeão mundial fez uma análise do momento que o Cruzmaltino atravessa na temporada e minimizou a queda de rendimento no Campeonato Brasileiro. De acordo com ele, a vida de uma equipe de futebol não é feita apenas de vitórias. Evoluir para seguir no topo da tabela é um dos objetivos do Almirante.

“Quando fomos campeões invictos, tivemos uma sequência de 34 jogos sem perder, quebramos vários recordes e colocamos nosso nome na história do clube, não estava tudo bom e maravilhoso. Muito pelo contrário, nos mantivemos sempre com os pés no chão, até porque sabíamos que o ano não havia acabado. É normal uma equipe oscilar durante a temporada. Sábado será um jogo difícil, mas faremos de tudo para voltar a vencer”, declarou Zinho.

Nesta semana, após uma sequência grande de jogos, a comissão terá tempo para trabalhar a parte tática da equipe. A parada será importante para que Jorginho e seus auxiliares corrijam os erros apresentados pelo time nas últimas partidas e busquem soluções que contribuam para a melhora vascaína dentro das quatro linhas. Durante o bate-papo com a imprensa, Zinho discorreu também sobre a chance de dirigir o time diante do Brasil.

“Essa parada será muito boa. Vamos priorizar tudo. Temos que recuperar os jogadores, trabalhar a parte tática e escolher as peças para o próximo jogo, pois teremos desfalques”, afirmou.

 

Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br