Taça Guanabara será decidida no Espírito Santo

Não será no Maracanã, fechado, nem no Estádio Nilton Santos – que não será cedido pelo Botafogo. Também não será no Estádio Raulino de Oliveira, a opção mais próxima, vetada pelo Boavista. A decisão da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca, vai acontecer em outro estado – no Espírito Santo. O estádio Kléber Andrade, em Cariacica, na Grande Vitória, vai receber o jogo entre Fla e Boavista.

O ex-jogador Roni, que atuou no Fluminense e que, atualmente, tem uma empresa que promove eventos esportivos, sugeriu o local da partida. O mandante da partida é o Boavista, que via prejuízo técnico em atuar em Volta Redonda.

Em uma curta nota, divulgada em seu site oficial às 21h52, a Federação de Futebol do Rio confirmou o palco da decisão.

“A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro informa que a final da Taça Guanabara, Boavista x Flamengo, será disputada no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica-ES, às 17 horas do próximo domingo, dia 18 de fevereiro”, diz a nota.

A Federação trabalhava para que a final acontecesse no Estádio Nilton Santos, o segundo maior do Rio, opção imediata quando o Maracanã está fechado. Mas a comemoração de Vinícius Junior, após o terceiro gol do Fla sobre o Botafogo na semifinal da competição, azedou de vez a relação entre os dois clubes. O Flamengo minimizou o caso e não puniu o atleta, o que, para a diretoria botafoguense, foi demonstrar conivência com a atitude.

O jogo de domingo que vem, às 17 horas, bota frente à frente as duas melhores campanhas da Taça Guanabara. O Boavista foi o primeiro colocado em seu grupo, superando o Botafogo e o Fluminense. Já o Flamengo também liderou seu grupo e continua invicto na competição.

O estádio Kleber Andrade tem capacidade para 21 mil pessoas.

 

Foto: Governo do ES / Divulgação