Itaboraí recebe palestra de Bernardinho do Vôlei

A convite do secretário municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo, Fernando Roscio, Itaboraí recebeu na manhã da última terça-feira (05/12), no anfiteatro do Colégio Adventista de Itaboraí, a palestra sobre motivação e liderança, com o Bernardo Rocha de Rezende, conhecido como Bernardinho do vôlei, ex-técnico das seleções brasileiras masculina e feminina de vôlei. Centenas de pessoas, entre servidores municipais e público em geral participaram do evento. O prefeito de Itaboraí, Dr. Sadinoel Souza escutou atentamente a palestra e destacou algumas falas de Bernardinho como algo essencial na vida do ser humano.

“Que satisfação poder assistir uma palestra tão enriquecedora como esta. O Bernardinho é um ícone do esporte brasileiro e tem muito a nos ensinar e repassar seus conhecimentos e experiências. Quero agradecer a ele pela presença, ainda mais por não ter gastos à Prefeitura. Ao Colégio Adventista por ceder mais uma vez o seu maravilhoso e confortável espaço, e ao público presente. Tenho certeza que saíram daqui com outra mentalidade”, destacou o chefe do Executivo.

Fernando Roscio ressaltou que a palestra não teve custos para a Prefeitura de Itaboraí. Bernardinho que é seu amigo há mais de 40 anos aceitou prontamente o convite de palestrar na cidade. Os dois jogaram juntos na Seleção Brasileira de Vôlei e foram medalha de prata, nas Olimpíadas de Los Angeles, em 1984.

O palestrante abordou temas como a administração de equipes e a diversificação de fatores profissionais e emocionais. E falou sobre sua história de vida como jogador e técnico de vôlei, valores do esporte, desafios, dedicação, amor, garra e conquistas.

“Quero agradecer pelo convite feito por Fernandão e destacar que um trabalho deve girar sobre o eixo do planejamento. Gosto de falar sobre as minhas experiências, sendo elas positivas ou negativas e inseri-las no cotidiano da vida de vocês, para que vejam que tudo o possível”, frisou Bernardinho.

Bernardinho assumiu a seleção brasileira masculina de vôlei em 2001, após passagem pela seleção feminina, onde conquistou duas medalhas olímpicas de bronze, em Atlanta-1996 e Sydney-2000.   Entre os anos de 2001 e 2017 comandando os homens, o treinador conquistou inúmeros troféus. Foram dois ouros olímpicos (2004 e 2016), três campeonatos mundiais, duas Copas do Mundo, três Copa dos Campeões e oito Ligas Mundiais. Além de duas pratas em Pequim-2008 e Londres-2012. Com a seleção masculina, Bernardinho chegou a todas as finais olímpicas e mundiais que disputou.

 

Foto: Divulgação