Estreia o favorito ao Oscar: ‘A Forma da Água’

Filme favorito ao Oscar domina as salas de cinema neste fim de semana. O diretor Guillermo Del Toro visita a fantasia e a ficção científica e surpreende

 

Ele pode até não levar o Oscar de melhor filme, mas “A Forma da Água”, filme dirigido por Guillermo Del Toro, que estreou nesta semana nos cinemas brasileiros, é o grande candidato à estatueta, além de ter liderado o número de indicações neste ano. Estrelado por Sally Hawkins, Octavia Spencer e Doug Jones, o filme tem sido incensado pelos críticos (no site especializado Adoro Cinema, recebeu a nota máxima – cinco estrelas – do crítico Renato Hermsdorff).

E não é para menos. Del Toro, que gosta de navegar por temas fantasiosos, como em seu nem sempre bem compreendido “Labirinto do Fauno”, conta a história do relacionamento entre uma zeladora muda e solitária, interpretada por Hawkins, que trabalha em um laboratório científico, e uma criatura aquática, que ganha vida no corpo do ator Doug Jones – responsável por outras criaturas memoráveis do cinema e da TV, e que está em cartaz na Netflix como o oficial Saru em Star Trek: Discovery.

Guillermo del Toro faz de “A Forma da Água” um conto de fadas dos mais imaginativos, muito bem ambientado no cenário dos Estados Unidos na época da Guerra Fria, por volta de 1962. O filme concorre em 13 categorias no Oscar: Melhor Filme, Melhor Atriz – Sally Hawkins, Melhor Ator Coadjuvante – Richard Jenkins, Melhor Atriz Coadjuvante – Octavia Spencer, Melhor Roteiro Original, Melhor Fotografia, Melhor Figurino, Melhor Mixagem de Som, Melhor Edição de Som, Melhor Design de Produção, Melhor Montagem e Melhor Trilha Sonora.

O mexicano Guillermo de Toro, de 53 anos, sempre navegou pela fantasia e tem aprofundado o tema em seus filmes. Deu vida ao personagem dos quadrinhos Hellboy, em dois filmes. Teve grande sucesso com O Labirinto do Fauno, que foi indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, passeou pelo terror em A Espinha do Diabo, e chegou a navegar pelo cinema mais comercial, com Círculo de Fogo, de 2013.

O problema de “A Forma da Água” é que, se por um lado os críticos gostaram (no Rio, a exceção foi o de O Globo, que deu apenas 3 estrelas), o público teve recepção fria. A performance nas bilheterias não foi das melhores nos Estados Unidos. A esperança é que as indicações ao Oscar levem mais público às salas de cinema no Brasil e em outros lugares do mundo.

SERVIÇO

A FORMA DA ÁGUA está em cartaz no Cinema Reserva Cultural, em Niterói. SALA 2 – LEG – 14h40, 17h00, 19h20, 21h40. O Reserva Cultural fica na Av. Visconde do Rio Branco, 880 – Bairro São Domingos, Niterói. Tel.: (21) 3604-1545.